Oração no dia dos pais

Senhor Jesus! Ante o Dia dos Pais, nós que nos devotamos, com tanto carinho, aos anjos maternos que nos concedeste, estamos a pedir-te proteção e auxílio a todos os pais do mundo.

Entretanto, Amado Amigo, em especial, nós te rogamos apoio para todos aqueles: que sofrem pelos filhos queridos, arrebatados pela morte e que, muitas vezes, são obrigados a engolir as próprias lágrimas, por não disporem de tempo para chorar;

que carregam nos braços filhos pequeninos, marcados por enfermidades irreversíveis;

que suportam obstáculos e tentações para serem fiéis aos próprios compromissos;

que se desgastam em administrações e empreendimentos complexos, a fim de sustentar o equilíbrio de centenas de companheiros da vida comunitária e não encontram a paz no reduto doméstico;

que varam o dia, entre aborrecimentos e tribulações, e chegam sequiosos de tranquilidade ao íntimo do lar para serem acolhidos unicamente por discussões e palavras estéreis;

que se estragam no cotidiano a fim de que os descendentes se habilitem convenientemente para a conquista de competência e reconforto no futuro;

que possuem razões de queixa no trabalho profissional, mas se calam, humildes, tolerando pesados sacrifícios por amor à família;

que faceiam empeços incontáveis para resgatar as próprias contas;

que recebem o apelido de “quadrados”, quando oferecem avisos salutares e bons conselhos;

que tombam acidentados, em serviço, com grandes taxas de tempo e tratamento para voltar ao reequilíbrio;

e por todos aqueles que são marginalizados em “quartos do fundo”, depois de encanecidos pelas atividades com que fizeram a família forte e feliz.

Senhor Jesus Cristo, abençoa a todos os nossos pais que tantas vezes compreendemos sem amar ou que nos amam sem compreender e que todos eles sejam sustentados em tua bendita providência. Assim seja.

 

Augusto Cezar Netto

Psicografia de Francisco Cândido Xavier. Do livro: Augusto Vive