Conheça Oscar José Pithan

Dr. Oscar José Pithan nasceu a 16 de dezembro de 1879 em Santa Maria da Boca do Monte. Filho do coronel José Adolfo Pithan e de Dona Josefina Ril Pithan, iniciou seus estudos em Santa Maria. Mais tarde cursou até o 3º ano de Engenharia, revelando-se ótimo estudante. Trabalhou na Secretaria de Obras Públicas do Estado, como arquivista, e nessa época contraiu matrimônio com Dona Belmira Nascimento. O Dr. Oscar Pithan estudou também Filosofia e Direito Romano, e formou-se ainda em Farmácia. Entretanto, seus estudos não pararam aí. Resolveu estudar Medicina e, aos 15 dias de abril de 1912, defendeu a tese que lhe conferiu o grau de doutor em Ciências Médicas, título este conquistado com raro brilhantismo. Essa conquista valeu-lhe um convite da Faculdade de Medicina e Cirurgia e Homeopatia para fazer parte do seu corpo docente, como professor catedrático sem concurso, chegando até ao cargo de Diretor da Faculdade.

Dr. Oscar José Pithan entra para o Espiritismo. Ainda era estudante de medicina quando recebeu a Doutrina Espírita. Isso aconteceu através de uma mensagem mediúnica que lhe chamava a atenção para uma missão: “Tinha que fundar um sanatório para obsidiados e doentes mentais”. E não vacilou. Foi com o maior entusiasmo que lutou por tornar realidade a incumbência. Em 1912, ele e mais alguns companheiros fundaram o atual Hospital Espírita de Porto Alegre, sendo seu presidente de honra. Sua dedicação para com essa obra foi muito grande. Ao receber os seus primeiros honorários, de um cliente rico, destinou o dinheiro para a compra do terreno para a sede do hospital. Clinicou em diversas cidades deste Estado, e também no Estado do Mato Grosso. Por todos os lugares onde esteve deixou marcas de benemerência. Atendia pobres e ricos sem distinção. Como divulgador da Doutrina Espírita não media esforços para deixar plantada a semente, através da exemplificação.

Dr. Oscar José Pithan desencarnou na cidade de Tupanciretã no dia 20 de junho de 1942. É o patrono espiritual do “Abrigo Espírita Oscar José Pithan”, na cidade de Santa Maria.